FAQs
Galileo, GNSS, Egnos, Brazil, Brasil, Galileo Information Centre Brazil, CENTRO DE INFORMAÇÃO DO GALILEO BRASIL
17074
page-template,page-template-full_width,page-template-full_width-php,page,page-id-17074,bridge-core-2.1.1,cookies-not-set,user-registration-page,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1200,qode-theme-ver-19.8,qode-theme-bridge,qode_header_in_grid,wpb-js-composer js-comp-ver-6.1,vc_responsive

FAQs

FREQUENTLY ASKED QUESTIONS

O que é o Galileo?

Galileo é o Sistema Global de Navegação por Satélites (GNSS) Europeu. Assim como outros sistemas globais, o Galileo fornece sinais de rádio para fins de posicionamento, navegação e tempo. Quando estiver completo, o Galileo vai oferecer os seguintes serviços: Serviço Aberto, Serviço Público Regulado, Serviço de Busca e Resgate, Serviço de Alta Acurácia, e Serviço de Autenticação Comercial. Clique aqui para mais informação.

 

O que é o Galileo?

 

Em que consiste o Galileo?

O sistema Galileo é composto por três segmentos:
SSegmento espacial: O Segmento Espacial do Galileo consiste de uma constelação de satélites transmitindo sinais de navegação fornecendo aos usuários acesso aos serviços do Galileo. A configuração da linha de base da constelação é definida como 24/23/1 constelação Walker. 24 satélites nominais em órbita terrestre média são arranjados em 3 planos orbitais.
Segmento de solo: O Segmento de Solo do Galileo inclui ambos o Segmento de Controle de Solo (GCS) e o Segmento de Missão em Solo (GMS) e abrange as seguintes infraestruturas:
• Dois Centros de Controle do Galileo (GCC).
• Uma rede ao redor do mundo de Estações de Sensores do Galileo (GSS).
• Uma rede ao redor do mundo de Estações de Uplink do Galileo (ULS).
• Uma rede ao redor do mundo de estações de Telemetria, Rastreamento e Controle (estações TTC).
Segmento dos usuários: Diferentes receptores e equipamentos GNSS, que recebem o Sinal do Galileo no Espaço (SiS).
Clique aqui para mais informação.

 

Centro Europeu de Serviços GNSS (GSC)

 

Qual é o valor adicionado pelo Galileo em relação a outros GNSS?

A Europa é a única região do mundo desenvolvendo uma iniciativa de GNSS global baseada em uso civil. O programa Galileo é a única opção do mundo para GNSS sob controle civil. Isto é um diferencial importante com relação a outros sistemas GNSS, especialmente relevante quando se considera que a dependência mundial de GNSS está crescendo continuamente.
Com a constelação do Galileo disponível, há mais satélites GNSS utilizáveis, significando mais acurácia, posicionamento confiável e sincronização de tempo que pode ser atingida globalmente por usuários finais. Isto é especialmente relevante em altas latitudes, onde o Galileo oferece melhor cobertura do que outros sistemas GNSS.
Adicionalmente, o Galileo oferece outros serviços de valor agregado, dedicados a melhorar a performance ao nível dos usuários. Em suma, o Galileo permite:

• Posicionamento com acurácia dentro do nível decimétrico.
• Posicionamento robusto através da autenticação de dados de navegação.
• Resistência a interferência (jamming e spoofing) e alta resiliência.
• Introdução de um link de retorno para operações de Busca e Resgate.

 

Galileo Busca e Resgate (SAR)

 

O que é a capacitade multi-constelação?

O Galileo é interoperável com outros Sistemas Globais de Navegação por Satélites (GNSS) como o GPS, o russo GLONASS e o chinês BeiDou. Receptores com capacidade multi-constelação podem combinar sinais de diferentes constelações para fornecer maior acurácia no posicionamento.
Para aumentar ainda mais o nível de integração do Galileo, a GSA trabalha diretamente com fabricantes de chips e receptores através de workshops tecnológicos, compartilhando atualizações do Galileo, esforços de co-marketing e recursos dedicados a projetos e estudos de desenvolvimento de receptores.
Para saber mais sobre multi-constelação, assista este vídeo:

 

Para saber se o seu receptor é habilitado para o Galileo, clique aqui.

 

Onde eu posso encontrar documentação oficial sobre o programa Galileo?

Toda a documentação oficial do programa relacionada ao Galileo é publicada na seção de Documentação de Referência do Programa no site do GSC. Toda a documentação publicada nesta seção deve ser usada como referência organizada/listada por serviço (por exemplo, Serviço Aberto, Serviço de Alta Acurácia, etc)

 

O Galileo é compatível com o sistema americano GPS? e com outros GNSS?

O Galileo é completamente interoperável com o GPS, e seu uso combinado vai trazer benefícios para usuários finais. Os satélites Galileo vão oferecer mais satélites utilizáveis, significando mais acurácia, posicionamento confiável e sincronização de tempo para usuários finais. Navegação em cidades ou em ambientes complexos, onde sinais de satélites podem frequentemente ser bloqueados por edifícios, túneis e pontos de corte, será particularmente beneficiada pelo maior número de satélites disponíveis.
A capacidade de cronometragem acurada do Galileo vai também contribuir para habilitar sincronização mais robusta, confiável, eficiente e resiliente para usuários críticos de áreas como bancos e transações financeiras, telecomunicações e redes de distribuição de energia.
O Galileo é projetado para ser totalmente interoperável com o restante das constelações GNSS?

 

O Galileo é o mesmo que o GPS?

 

Quem eu posso contactar para ter mais informações sobre o Galileo e seus serviços?

O Centro de Serviços do Galileo (GSC) está disponível para ajudar usuários do Galileo. A Central de Ajuda do GSC pode ser acessada em http://www.gsc-europa.eu.

 

O que é o Serviço Aberto do Galileo?

O Serviço Aberto do Galileo é um serviço gratuito de mercado de massa para posicionamento, navegação e tempo que pode ser usado por chips em smartphones ou sistemas de navegação automotivos habilitados para o Galileo.

 

O que é o Serviço Público Regulado do Galileo?

O Serviço Público Regulado é para usuários de governo autorizados, tais como proteção civil, brigadas de bombeiros, funcionários aduaneiros e polícia. É um serviço particularmente robusto e totalmente encriptado para fornecer serviços continuamente em emergências nacionais e situações de crise, tais como ataques terroristas. Clique aqui para mais informação.

 

O que é o serviço de Busca e Resgate do Galileo?

O serviço do Galileo de Busca e Resgate (SAR) é a contribuição da Europa para um sistema de localização de avisos para emergências internacionais chamado “Cospas-Sarsat”. O Galileo é a primeira constelação por satélite a oferecer capacidade global SAR e reduz significativamente o tempo necessário para localizar acuradamente um sinal de perigo. O Galileo SAR também contém um link de retorno exclusivo que permite aos usuários saber se o seu sinal de perigo foi recebido e que a ajuda está a caminho. Clique aqui para mais informação.

 

Galileo Busca e Resgate (SAR)

 

O que é o Serviço de Alta Acurácia do Galileo?

O Sistema de Alta Acurácia do Galileo (HAS) vai complementar o Serviço Aberto, fornecendo um sinal de navegação encriptado adicional em uma diferente frequência de banda. O HAS vai permitir a usuários obter um erro de posicionamento abaixo de dois decímetros. Ele será baseado em transmissão livre de correções de Posicionamento de Ponto Preciso (PPP) através do sinal E6 do Galileo.

 

O que é o Centro de Serviços GNSS Europeu (GSC)?

O Centro de Serviços GNSS Europeu (GSC) é um conjunto que faz parte da infraestrutura europeia de GNSS e fornece uma interface entre o sistema Galileo e os usuários do Serviço Aberto (OS) do Galileo, o Serviço de Alta Acurácia (HAS) e o Serviço de Autenticação Comercial (GSC).
O GSC é concebido como um centro de expertise, compartilhamento de conhecimento, avaliação customizada de desempenho, disseminação de informação e apoio à provisão de serviços de valor agregado habilitados pelo Galileo.

 

Que tipos de serviços eu posso obter do GSC?

As funcionalidades e serviços oferecidas atualmente pelo GSC são:

* Suporte através de central de ajuda para consultas gerais e notificação de incidentes por usuários do Galileo.
* Informação sobre o estado atual do sistema e notificações sobre eventos importantes afetando o sistema. Adicionalmente, usuários registrados podem inscrever-se para serem informados em tempo real sobre eventos afetando os serviços do Galileo. Um exemplo é a publicação de Notificações Consultivas para Usuários do Galileo (NAGUs), que informam regularmente sobre o estado do sistema.
* Livraria Eletrônica, incluindo documentação de Referência sobre o Programa e informações gerais.
* Suporte a desenvolvedores de GNSS, incluindo Infraestrutura para Simulação e Testes em GNSS (GSTI).
* Provisão de dados do sistema Galileo.
* Promoção do GNSS e do Galileo em particular.
* Interface com outros Provedores de Serviços GNSS.
* Monitoramento do serviço e medida do nível de satisfação do Galileo e do GSC, com objetivo de propor melhorias e evoluir adequadamente o serviço.

 

 

O que é o NAGU?

Notificações Consultivas para Usuários do Galileo (NAGU) têm como objetivo informar a comunidade de usuários sobre o estado da constelação do Galileo e, em particular, a ocorrência e restabelecimento de interrupções do Sinal no Espaço (SiS). O alerta de SiS e indicações de atenção recebidos em tempo real pelos receptores dos usuários sempre têm precedência sobre a informação do NAGU recebidas offline por um usuário final. NAGUs são publicadas no portal do GSC e notificações automáticas para usuários registrados no GSC são enviadas a cada vez que uma nova NAGU é lançada. NAGUs são lançadas tanto para eventos Planejados como para Não-planejados, assim como para notificações gerais sobre o sistema Galileo, como por exemplo para notificar usuários sobre o lançamento de novos satélites. Para mais informação sobre NAGUs, seus formatos e modelos, por favor visite o site GSC, seção de informações NAGU..

 

Como eu posso testar se meu smartphone está recebendo sinais do Galileo?

Para testar se um smartphone recebe qualquer sinal de satélite do Galileo, há vários apps disponíveis em sua loja de aplicativos, como o GPSTest (disponível somente para Android). O aplicativo leva algum tempo para localizar os satélites. Para ter certeza de que o equipamento rastreia satélites Galileo, é necessário haver espaço aberto e sem wifi ou conexão de dados habilitada, para evitar obter almanaques da internet. Para ter uma ideia do que pode ser visto em seu telefone, você pode assistir o vídeo a seguir.. Adicionalmente, alguma informação de ajuda útil para testar o equipamento pode ser encontrada no seguinte documento..

 

Como eu sei se meu equipamento é habilitado para o Galileo?

No site www.usegalileo.eu é possível consultar uma lista completa de diferentes receptores habilitados para o Galileo, além de chips e módulos que podem ser encontrados no mercado, classificados por setor e tipo de equipamento.

 

Existem receptores multi-constelação capazes de usar GPS, Galileo, Glonass e outros?

De acordo com um estudo recente apoiado pela GSA, fabricantes de chips e receptores já estão habilitando seus equipamentos com capacidades multi-constelação, incluindo o Galileo, e tirando vantagens dos serviços disponíveis. De fato, a vasta maioria dos receptores atuais são multi-constelação, e a forma mais popular para prover suporte multi-constelação é cobrir todas as constelações, o que representa mais de 30% dos receptores.
Para aumentar ainda mais o nível de integração do Galileo, a GSA continua a trabalhar diretamente com fabricantes de chips e receptores. Através de consultas a usuários, workshops tecnológicos, compartilhamento de atualizações do Galileo, esforços de co-marketing, e financiamento dedicado para projetos e estudos de desenvolvimento de receptores, a GSA está trabalhando com fabricantes para construir uma experiência de navegação ainda melhor.
A GSA também lançou seu programa de Elementos Fundamentais, , um novo mecanismo de financiamento para pesquisa e desenvolvimento (P&D), apoiando o desenvolvimento de chips e receptores. O programa vai funcionar durante 2020 e o orçamento do projeto é de mais de 100 milhões de Euros. O objetivo principal da iniciativa é facilitar o desenvolvimento de aplicações através de diferentes setores da economia e promover o desenvolvimento de elementos tão fundamentais como chips e receptores habilitados para o Galileo.

 

Posso usar o Galileo em meu telefone móvel?

Já existem mais de 700 milhões de smartphones habilitados para o Galileo no mercado e este número está crescendo rapidamente.
Clique aqui para saber se o seu telefone é habilitado para o Galileo?

 

Posso usar o Galileo no meu carro?

Equipamentos de navegação habilitados para o Galileo para seu carro já estão disponíveis no mercado. Além disso, desde abril de 2018, todos os novos modelos de veículos aprovados e vendidos na Europa são habilitados para o Galileo como parte de requisitos para cumprir a regulamentação de sistema de resposta a emergências eCall da União Europeia.
Clique aqui para saber se o seu equipamento de navegação é habilitado para o Galileo.

 

Onde empresas podem obter informação para ajudá-las a desenvolver produtos e serviços para obter benefícios dos sinais do Galileo?

O Centro de Serviços GNSS Europeu (GSC) é o lugar a pesquisar para todos os assuntos relacionados ao desenvolvimento de produtos e serviços habilitados para o Galileo
O GSC pode ser contactado em www.gsc-europa.eu

 

Posso usar equipamentos habilitados para o Galileo em outras regiões do mundo?

Sim, o Galileo oferece seus serviços ao redor do mundo, sem restrições e o uso de seus sinais em qualquer lugar do planeta, a não ser nos quais governos locais não permitem acesso para alguns serviços específicos.
A GSA trabalha com outros países e sistemas GNSS para habilitar e harmonizar a provisão de serviços do Galileo. Por exemplo, a Comissão Federal de Comunicações dos EUA (FCC) concedeu o acesso a sinais específicos transmitidos pelo Galileo em todos os equipamentos nos Estados Unidos da América.
Mais informação pode ser encontrada aqui